Notícia

Membros do CdA na Europa visitam Israel

Internacional, Nacional |
cda-visita-israel

Diversas pessoas de Portugal, Espanha, França, Guadalupe, Bélgica, Holanda, Luxemburgo, Alemanha, Itália, Suíça e Rússia participaram de uma riquíssima viagem à Terra Santa – ao todo, foram 447 participantes.

O passeio começou no dia 7 de maio último e foi finalizado no dia 13.

A caravana especial teve como objetivo revelar as belezas e os significados históricos dos locais citados na Bíblia, onde episódios importantes aconteceram.

Personagens bíblicos que tiveram encontros espirituais grandiosos com Deus habitaram aquelas terras. Por isso, a atmosfera é ímpar e recheada de histórias e símbolos fantásticos.

caravana-israelPara Ingrid Ferraz, de 25 anos, uma das participantes do passeio, a viagem foi a realização de um sonho. “Desde os 13 anos eu tinha o sonho de ir a Israel. Duas semanas antes da viagem comecei a preparar-me. Ia mais à Igreja, para buscar o Espírito Santo, porque eu não queria fazer essa viagem por fazer. Eu queria ir e voltar uma nova pessoa, e com o mais importante, que é o Espírito Santo. Quando estive no Mar da Galileia, foi algo único. Dali vi que era impossível alguém buscar o Espírito Santo e não encontrá-Lo.

Quando fomos visitar o túmulo de Jesus, entrei e desmontei-me ao imaginar que Jesus morreu e ressuscitou por nós. Foi então que implorei, humilhei-me, supliquei que quando eu saísse daquele lugar queria sair com o Espírito Santo. Comecei a olhar tudo com outros olhos, e aquela Ingrid que era amargurada, nervosa, com baixa autoestima, não existe mais”, contou.

Já para Lupe Munaylla, de 43 anos, o passeio foi um aprendizado de fé. “Foi uma experiência única. Sinto-me forte espiritualmente. Aproveitei cada lugar que vi, cada momento para buscar a presença do Espírito Santo. Eu sentia muitas dores nas pernas há muito tempo, mas quando cheguei à ‘Terra Santa’, pela minha fé, não tive mais dores e fui curada ali”, relembra.

cda-em-israelAlém dos locais tradicionais da visita, como o Mar da Galileia, a antiga Cafarnaun, o Rio Jordão, Jericó, o Mar Morto, o Monte das Oliveiras, o túmulo do rei Davi, o Muro das Lamentações, o Getsêmani e o Vale de Sidom, os visitantes também conheceram Gilgal – onde cada participante pôde plantar uma muda de oliveira na Terra Santa (foto acima) – e o Vale dos Filisteus (também conhecido como Vale de Elah) – onde Davi, ainda menino, venceu o gigante Golias.

 

caravana-europa-israelDia da Independência de Israel

O período de visitação coincidiu com o Yom Haatzmaut, o Dia da Independência do Estado de Israel, que completou 68 anos de oficialização neste ano.

A celebração acontece no quinto dia de lyar, do calendário judaico, podendo ser adiantado ou adiado para não cair no shabat (sábado), que, segundo a tradição judaica, é o dia de descanso semanal.

Em 1948, ano em que ocorreu a fundação do Estado de Israel, o dia correspondeu a 14 de maio. Neste ano de 2016, o Yom Haatzmaut ocorreu no dia 12 de maio.

E para comemorar essa data especial, uma celebração foi realizada, por meio de uma parceria entre a operadora de turismo Gilgal Tours e a Câmara Municipal de Jerusalém.

Um palco foi armado na cidade e diversas músicas tradicionais da cultura judaica foram entoadas, inclusive o próprio hino de Israel, bem como louvores a Deus.

Os participantes da caravana seguraram bandeiras de Israel nas mãos e divertiram-se muito.

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *