Notícia

Morte para quem andar com a Bíblia

Internacional |
morte-arabia-saudita

Todo aquele que levar a Palavra de Deus para a Arábia Saudita poderá vir a ser sentenciado com a pena de morte

No seu último relatório, a Sociedade Missionária “HeartCry” refere que o governo deste país ao decidir criar leis sobre a importação de drogas ilegais, incluiu um artigo que proíbe “todas as publicações de crenças religiosas não islâmicas e que tragam prejuízo”. Portanto, se decidir visitar a Arábia Saudita e levar consigo uma Bíblia, saiba que equivale a transportar consigo qualquer tipo de droga, podendo vir a ser castigado com a pena de morte.

De acordo com uma lista que é publicada todos os anos pelo “Ministério Portas Abertas”, a Arábia Saudita surge como o sexto país onde os cristãos são mais perseguidos. A conversão para outra religião já era proibida na Arábia Saudita, sendo igualmente punida com a morte.

Cumprindo a profecia

Segundo o teólogo Joel Richardson, o governo deste país ao decidir começar a matar pessoas por terem a Bíblia está a cumprir o que é dito no livro de Apocalipse, capítulo 6, versículo 9:

“E, havendo aberto o quinto selo, vi debaixo do altar as almas dos que foram mortos por amor da Palavra de Deus e por amor do testemunho que deram”.

Será que o Fim dos Tempos está próximo? Deixe-nos a sua opinião!

Com informações de: gospelprime.com.br

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.


O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *