Notícia

“Nada a Perder 3” no M.I.R. em Genebra

Internacional, Notícias |

livre_geneveMais de mil pessoas, provenientes de todo o país, fizeram questão de marcar presença no M.I.R., um dos locais mais emblemáticos da cultura suíça.

M.I.R.: Vítima das perseguições católicas na França, João Calvino fugiu para a Suíça, em 1533, tornando Genebra o centro do protestantismo europeu. João Calvino permanece, desde então, como uma figura central da História da cidade de Genebra e da Suíça. Em 1536, o genebrinos declararam-se protestantes e proclamaram a sua cidade uma república, a República de Genebra. Todos estes factos, encontram-se registados através de documentos, quadros, fotos e manuscritos no Museu da Internacional Reforma (M.I.R.) protestante, em Genebra, na Suíça.

Não havia uma melhor escolha para o lançamento do livro “Nada a Perder 3” do Bispo Macedo aqui na Suíça. Pois, assim como os homens que fizeram parte da Reforma, o bispo Macedo, através de sua crença na Palavra de Deus e numa Fé viva e eficaz, tem revolucionado a vida de milhares de pessoas pelo mundo inteiro.

Nem a chuva que se fazia sentir no Domingo, dia 29 de Março, às 15h, impediu as imensas filas à entrada do museu, que eram prova de que a chegada do livro na Suíça era aguardada com grande expectativa.

Em entrevista, o Bp Eduardo Bravo, que também é citado no livro do bispo Macedo, disse: “Realizar o Lançamento do Livro NADA A PERDER 3 no Museu Internacional da Reforma tem um simbolismo muito grande. O Museu conta a história de Martinho Lutero, João Calvino e hoje está contando a história do Bispo Macedo.
O bispo Macedo, com Fé, coragem, sacrifício e perseverança, fez uma revolução espiritual no Brasil e no mundo, então, o Lançamento do Livro NADA A PERDER, não poderia ter sido feito em qualquer outro lugar aqui na Suíça.”

O lançamento contou com a presença de mais de 1.000 pessoas, vindas de diversas cidades de toda a Suíça. A senhora Isabelle Graesslé, presidente do Museu, estava muito satisfeita. “Até hoje, o M.I.R. contou a história do passado, e hoje está, pela primeira vez, está a contar a história do presente, da Fé atual que move a vida das pessoas.”

Mais de 3.000 exemplares foram vendidos. O escritor brasileiro, Paulo Coelho, que reside na Suíça, também marcou presença no Lançamento e recebeu de Eduardo Bravo um exemplar de cada livro da trilogia NADA A PERDER.

O Bispo Eduardo Bravo, representante do Bispo Macedo na Suíça, realizou a sessão de autógrafos. Foi uma tarde inesquecível, para todos que desejavam, com entusiasmo, tomar posse desta obra que, com certeza, trará importantes lições de vida.

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

8 comentários

wilson monteiro Responder 3 Abril, 2015 às 20:28

eu gostei muito do livro nada a perder porque transmite uma boa historia pra eu poder comesar lutar pra minha vida espirutual..obrigago

Gil Miguel Responder 3 Abril, 2015 às 20:32

j’ai bien le livre rien à perdre

julie Responder 3 Abril, 2015 às 20:34

c etait tres bien , cetait aussi tres jolie les gens etait tres sosiable 🙂

julie Responder 3 Abril, 2015 às 20:37

eu gostei muito do livro nada a perder porque transmite uma boa historia pra eu poder comesar lutar pra minha vida espirutual..obrigago

magalie Responder 3 Abril, 2015 às 20:40

j ai bien aimer et apprecier les coutume .

Maria Responder 3 Abril, 2015 às 20:43

J’ai bien aimé l’évenement et le musée était très jolie

Noemi Responder 3 Abril, 2015 às 20:46

Me parecio muy interesante, me gusto mucho la historia de la cual nos hablaron dentro del museo y me motivo a querer tener el primer y segundo libro y estar mas metida en la historia

jose luis Responder 3 Abril, 2015 às 20:52

Es la primera vez que asisto a un evento de un libro critiano, me gusto mucho saber que puede alludar en la vida de los demas. lla tengo el libro numero 3, deseando que dios me de un trabajo para poder comprar el 1* y 2* libro