Notícia

O Fim dos Tempos está mesmo próximo?

Internacional, Notícias |

royal.navy.cc.690x460 (1)A despesa com armamentos aumentou 1,7% em escala mundial em 2014, conforme informou a agência de notícias espanhola EFE. Depois de 3 anos em queda, o investimento militar tornou a subir, principalmente pelo rearmamento dos países emergentes.

Mesmo com os Estados Unidos diminuindo suas despesas militares, países como a China e a Arábia Saudita aumentaram as suas, o que ocasionou o crescimento do rearmamento.

Especialistas no assunto disseram, segundo a EFE, que os riscos crescentes de ataques terroristas de extremistas islâmicos contribuíram para alimentar o medo dos países ocidentais, daí a compra de armas e a formação de novas tropas. Os mesmos especialistas dizem, entretanto, que somente combates bélicos não são suficientes, pois os métodos de organizações como o Estado islâmico atacam em outras frentes, como a da comunicação, no que diz respeito ao recrutamento de novos seguidores.

Para muitos já há uma guerra em andamento contra o terrorismo islâmico. E a Bíblia fala claramente que, no Fim dos Tempos, haverá rumores de guerras (Marcos 13.7). Embora esse trecho bíblico diga que o fim não é agora, deixa claro que ele se aproxima. A hora de se preparar é agora. Quem realmente é filho de Deus e se entregou verdadeiramente a Ele deve manter sua posição numa guerra que já foi declarada há milênios.

Bill Gates e o governo mundial único

A Bíblia também fala de um líder mundial que será levantado e perseguirá todos os que seguem a Deus (Marcos 13.9).

Pois bem, recentemente, o megaempresário norte-americano da informática Bill Gates, que se destaca pelas causas sociais e cuja fortuna é uma das maiores do planeta, disse, em uma entrevista a um jornal alemão, que a única forma de combater os problemas mundiais é um governo mundial único. O fundador da Microsoft diz que o mundo está preparado para guerras, mas sofre com as mudanças climáticas, a poluição, a fome, a miséria e as doenças, que nunca são solucionadas com os governos separados.

Em Apocalipse 13, é bem claro que um líder mundial carismático resolveria esses problemas, apoiado por aqueles que negariam o Senhor Jesus. Resolveria os problemas, mas a troco da Salvação dos cristãos verdadeiros, no que é chamado por muitos de a Grande Tribulação, o início do Fim dos Tempos.

Porém, o Apocalipse fala não só das profecias, mas de como podemos estar prontos para o arrebatamento, para a Salvação: caminhando com retidão, segundo os preceitos de Deus, ensinados pelo Senhor Jesus.

Você acredita que o Fim dos Tempos está mesmo próximo? Como tem agido em busca da sua Salvação?

Venha participar no Estudo do Apocalipse as 18hs no Templo Maior em Lisboa, ou na sede estadual mais perto de si

Para mais informações ligue para a linha Amigo 24h: 21 836 80 08

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

1 comentário

marcos Roberto Responder 27 Fevereiro, 2015 às 10:41

Jesus está voltando