Notícia

Troféu “Bispo Edir Macedo” será dado a vencedores de torneio em presídio

Internacional, Notícias |

copabmfutsal.690x460O presídio Regional de Sapé, cidade que fica na Paraíba, a 60 quilômetros da capital, João Pessoa, realizará, no próximo dia 30 de setembro, a 5ª edição da “Copa Ressocializando de Minifutsal”, que acontecerá na quadra de esporte e lazer da casa penal.

O que chama atenção no torneio é que os presos do local e seus familiares decidiram dar o nome ao troféu que será dado aos vencedores de “Bispo Edir Macedo Bezerra”, em homenagem ao líder da Universal.

Segundo o diretor da unidade, Antônio Galdino da Silva Neto (foto abaixo, com a esposa), os reeducandos são gratos ao bispo Macedo pela existência da Universal no presídio. A Igreja tem contribuído no processo de ressocialização de presos não só em Sapé, mas em todo Brasil.

detentodiretor.690x460O próprio Silva Neto conheceu o trabalho da Universal nos presídios quando esteve atrás das grades, por 4 anos e meio, após atirar em sua esposa na época. Ele conta que, ao chegar em casa bêbado e discutir com ela, disparou um tiro que a matou. Segundo ele, a intenção era pegar a arma apenas para intimidá-la; o tiro foi acidental. Ela morreu nos braços dele.

Silva Neto foi evangelizado e aceitou mudar de vida. Conseguiu a liberdade, casou-se com uma das voluntárias da Universal que faziam as visitas ao presídio, fez o curso de direito e foi convidado para assumir a direção do Presídio de Sapé, que, de acordo com dados oficiais, tem apenas dois reincidentes em cada cem pessoas que passam por lá. O número impressiona, pois estudos apontam que aproximadamente 70% dos presos de outras unidades no Brasil voltam para o mundo do crime. Qual o segredo? “Respeito. Trato os presidiários como se fossem meus filhos. Pego no pé mesmo, mas é porque os quero bem”, afirma o diretor.

Universal nos presídios

A Universal se preocupa com a população carcerária, por isso desenvolve, há mais de 30 anos, um trabalho de ajuda espiritual, moral e social em presídios e delegacias do Brasil. Como resultado, mudanças de comportamento significativas, como a de Silva Neto, acontecem entre os detentos.

Hoje, a Universal atua em mais 350 presídios brasileiros, contemplando todos os estados do País, e conta com cerca de 7 mil voluntários para essa causa social.

Se você tem algum familiar preso e tem buscado pela liberdade dele, procure auxílio espiritual em um Centro de Ajude perto de si. Clique aqui e encontre o CdA mais próximo de sua casa.

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *