Depressão afeta 400 mil portugueses

Portugal é o país da Europa que apresenta a taxa de depressão mais alta e “foca-se na medicação, quando é preciso perceber que a terapia e a prevenção podem levar a um estado de saúde mental saudável”, explicou o psicólogo Vítor Anjos ao site Lifestyle.

A depressão não escolhe idades, nem estratos sociais, sendo uma enfermidade que exige tratamento e apoio social e familiar.

Sinais de alerta

 Tristeza

 Diminuição do interesse e do prazer nas atividades do quotidiano

 Alterações a nível do apetite e do sono

 Agitação ou lentificação física e psíquica

 Fadiga ou diminuição da energia

 Perda da autoestima/confiança ou sentimentos de culpa

 Diminuição da concentração ou da capacidade de tomar decisões

 Ideias recorrentes de morte e/ou de suicídio

 Comportamentos suicidas

400 mil portugueses, entre os 18 e os 65 anos, sofrem anualmente de um grau de depressão muito alto

+ de 300 milhões de pessoas vivem com depressão no mundo

20% da população é negligenciada na doença

70% dos suicídios são causados por quadros depressivos

Fonte: Folha Universal

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *