Entenda a timidez e saiba lidar com ela

vencer-timidezComo é que uma pessoa tão bem- -sucedida, pode ser insegura? Talvez ainda não tenha a resposta para a sua questão, mas ao observar o caráter de alguém tímido, poderá entender.

Muitos acreditam que a timidez é algo que permeia todo o tipo de situação, ou seja, que uma pessoa tímida reage com insegurança em todas as circunstâncias. Mas, este pode ser um pensamento inadequado, pois existem pessoas consideradas tímidas, capazes de avançar e recuar dependendo do contexto. Por isso, quer sejamos introvertidos ou extrovertidos todos podemos experimentar o sentimento de timidez.

“A timidez pode transformar alguém num antropólogo amador, de tanto que a pessoa se coloca na posição de observadora”, afirma o historiador Joe Moran, no seu livro Skrinking Violets.

Existem professores, que se sentem mais à vontade a dar uma aula para centenas de alunos, do que a responder a perguntas de um punhado deles, por exemplo, o que comprova a ambiguidade da timidez.

A origem da timidez

A timidez não é um empecilho para o sucesso. Por sua vez, especialistas argumentam que se trata de um sentimento que vem de comportamentos, pré-históricos que ajudavam na sobrevivência.

timidezPor vivermos em sociedade, onde existem diferentes formas de interação, começamos a dar importância ao que os outros acham, dizem e pensam sobre nós, causando, sensações desconfortáveis, como a vergonha e o nervosismo.

“Criamos esses estranhos ciclos viciosos em que nos achamos tímidos e sentimos vergonha disso”, afirma o historiador.

A timidez pode desenvolver-se em torno de três componentes: excesso de autoconsciência, excesso de autoavaliação negativa e excessiva auto-preocupação.

Tem vantagens?

Ser uma pessoa tímida pode ter as suas vantagens, pois existem características desenvolvidas pela mesma, que as tornam mais ágeis.

Uma das tendências da pessoa insegura, é relembrar-se do que foi feito e dito, e pensar no que deveria ter feito ou dito. Este pode ser um ponto importante e, consequentemente uma vantagem para estas pessoas, que passam a corrigir os seus erros e a procurar aperfeiçoar-se.

É também importante relembrar, que a timidez é expressa e avaliada em várias culturas de diferentes formas. Por exemplo, enquanto que em países como a Finlândia, a timidez tem uma conotação mais positiva por evocar a ideia de modéstia, noutros, como os Estados Unidos, a timidez pode agora ser identificada como um distúrbio psiquiátrico.

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *