Quando os problemas não são resolvidos, os objetivos não são alcançados

Ele promete na Sua Palavra abrir as portas, guiar os seus passos de forma a que supere as suas dificuldades, alcance os seus objetivos e realize os seus sonhos DSC_0461

No último domingo (19), às 9h30, o bispo Júlio Freitas ministrou a reunião “A Hora do Milagre”, na sede do Centro de Ajuda na Europa, em Lisboa, onde centenas de pessoas estiveram presentes para ouvir a mensagem de salvação.

Tudo o que tínhamos, temos e teremos foi Deus quem nos deu e nos dá. Está escrito, que nada trouxemos a este mundo e nada levaremos, porque todos nascemos nus, diz o Texto Sagrado, e nus também sairemos. Em outras palavras, ninguém trouxe nada, ninguém leva nada. Mas, Deus pede que seja fiel a Ele! Ser fiel a Deus é tê-Lo em 1º lugar na sua vida, é considerará-Lo como a pessoa mais importante. E quando o faz, então, Ele promete na Sua Palavra abrir as portas, guiar os seus passos de forma a que supere as suas dificuldades, alcance os seus objetivos e ainda realize os seus sonhos. Deus não existe apenas com o objetivo de resolver problemas, Ele existe porque lhe dá objetivos e sonhos!

“Quando os problemas não são resolvidos, os objetivos não são alcançados e os sonhos não são realizados, o ser humano que não é equilibrado, que não conhece as Escrituras Sagradas, vende-se, rende-se, desespera-se, foge, esconde-se. Esta é a natureza humana!

O ser humano vende-se para os prazeres, para os sentimentos, para os vícios; rende-se para as mágoas, deceções; esconde-se das ameaças, entre outras coisas. Mas quando você e eu temos a Deus em 1º lugar nas nossas vidas, então, Ele abre as portas e nos guia no caminho da superação e da realização, para que a nossa vida O Glorifique”, afirmou bispo Júlio Freitas.
Esta é a proposta de Deus: que sejamos fieis a Ele! Não é Ele que precisa de nós, somos nós que precisamos d’Ele.

As pessoas no seu desespero chegam ao extremo de fazer pactos com o diabo, com espíritos, guias, orixás, caboclos, demónios; outras chegam ao extremo de comprometeram a sua casa, a sua família com agiotas; e outras fazem pactos com bancos pensando assim que vão garantir um futuro melhor, com ricos. E acabam dececionadas, frustradas, amarguradas e infelizes.

“O ser humano aceita fazer pactos com todos, menos com quem realmente deve fazer. E este é Deus! Quando Deus o/a convida a ser fiel, está a convidá-lo/a justamente para que aquilo que não tem, passe a ter, o que não teria, terá… porque Ele abrirá as portas, guiará os seus passos, e você vai superar as suas dificuldades, alcançar os seus objetivos e realizar os seus sonhos”, concluiu o orador.

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *