Noticia

Por que as mulheres traem?

mulher_trair

Desde que as mulheres se tornaram mais independentes, a infidelidade feminina já não é mais a exceção nos relacionamentos. A tendência é maior entre mulheres mais jovens, que, na maioria das vezes, estão em busca de novas emoções.

Para a pesquisadora Pepper Schwartz, professora de Sociologia da Universidade de Washington, nos Estados Unidos, “a traição entre homens e mulheres é similar nos casais jovens”.

Nos dias de hoje, a busca por autonomia, liberdade e vida sexual mais satisfatória tem levado o público feminino a traçar outros caminhos, colocando em risco até relações mais estáveis. “As mulheres viajam mais, estão mais no escritório e têm oportunidade de encontrar alguém, mantendo essa experiência longe dos seus maridos e de suas famílias”, explica a pesquisadora.

Mas por que as mulheres traem? Conheça 5 possíveis razões para que isso aconteça:

1 – Vingança

Homens e mulheres encaram a traição de maneiras diferentes. Para o homem, a traição feminina fere a masculinidade dele, não importando exatamente as razões que levaram a mulher a fazer isso. Já para a mulher, a traição significa perder o título de “insubstituível”, “única”, “amada”, “especial”, entre outros sentimentos. A decepção a faz se sentir rejeitada, substituída, e pode ainda mostrar a incapacidade de satisfazer o desejo masculino. Para algumas mulheres traídas, o desejo de vingança se torna um objetivo a ser alcançado, custe o que custar. A intenção de ver o ego do homem ferido traz o que elas chamam de “alívio” para suportar a traição sofrida.

2 – Desprezo

Uma mulher pode se dedicar mais do que 100% em uma relação, ocupando todas as funções somente pelo prazer de agradar ao marido. Porém, se ela perceber que os papéis desempenhados por ela são mais importantes do que si mesma, ela se sentirá desprezada. Consequentemente, isso abrirá uma brecha para alguém que a valorize fora de casa, que a elogie e reconheça o seu valor.

3 – Independência financeira

A busca por novos desafios fez com que as mulheres se tornassem mais independentes, conquistando espaço no mercado de trabalho. No entanto, algumas usam essa liberdade para arriscar os seus relacionamentos, em busca de paixão e emoção. Muitas pensam que, caso algo dê errado, não haverá prejuízos financeiros.

4 – Baixa autoestima

Toda mulher quer se sentir mais bonita, amada e atraente. Quando o marido é indiferente, grosseiro e não demonstra mais sentimento algum, ela acaba encantando-se com os elogios que recebe de outro, alguém que perceba um penteado diferente, uma roupa mais bonita, etc. Muitas mulheres não têm a intenção de trair, mas acabam não resistindo à traição por carência.

5 – Falta de perspectivas no relacionamento

Todo casal passa por momentos difíceis, porém, quando a mulher percebe que o esforço para manter a relação acontece apenas por parte dela, acaba se desmotivando. Em alguns relacionamentos, a mulher já não faz questão se ficarão juntos ou não. E aí algumas começam a buscar outras possibilidades fora do casamento; iniciam casos extraconjugais até se sentirem seguras para terminar o relacionamento oficial.

Como evitar uma traição?

As razões citadas acima servem como um alerta para evitar uma possível traição, corrigir erros e falhas. Se você é um marido atencioso, presente, que prioriza o seu casamento, você não dará essas brechas para que isso aconteça em sua relação.

Em seu blog pessoal, Renato Cardoso, autor do livro “Casamento Blindado”, ensina que, apesar de todos estarem inclinados ao erro, somente o amor verdadeiro é capaz de superar as tentações. “Se você mulher ama o seu marido, você não ficará alimentando fantasias em sua cabeça com conversas inapropriadas com outro homem — seja no trabalho, na internet ou mesmo na sua memória, lembrando de alguém do seu passado.”

O autor orienta a não confiar na própria força e achar que quando quiser parar um flerte será fácil. O que precisa ser feito é fugir das possíveis armadilhas. “Se você vai ter olhos para alguém, que sejam para o seu cônjuge. Se você vai ter uma aventura de amor, que seja com o seu marido ou esposa. Fortaleça a vossa relação. Voltem-se um para o outro”, aconselha.

Se você está passando por uma crise em seu relacionamento ou busca a cura de uma traição, participe das palestras da Terapia do Amor, que acontecem todas as quintas-feiras, no Centro de Ajuda. Clique aquipara localizar o endereço de um CdA mais próximo de si.

Você já enfrentou uma traição? Como superou a situação? Compartilhe a sua experiência nos comentários.

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *